TCE “limpa” envolvido em escândalos de corrupção

Do Blog do Jorge Vieira

Afilhado de Sarney deu desfalque de R$ 100 milhões

O ex-secretário de Cidades do Governo Roseana Sarney (PMDB) e ex-prefeito de Pinheiros, Filuca Mendes, acusado pela Controladoria Geral do Estado de desviar mais de R$ 100 milhões dos recursos destinados ao combate das cheias no Maranhão, em 2009, está limpo e pode concorrer a qualquer cargo na próxima eleição, apesar de ser um Ficha Suja.

Filuca, homem de confiança do deputado Sarney Filho e do senador José Sarney, que segundo a Controladoria deu desfalque milionário nas verbas destinadas aos flagelados maranhenses, jamais teve uma conta rejeitada pelo Tribunal de Contas do Estado, instituição dominada por conselheiros indicados pela oligarquia.

A constatação de que Filuca escapou da Ficha Limpa é um verdadeiro escândalo. Isto porque o governo o demitiu e o TCE o livra de todas as prestações de contas. Desde o tempo que ele era gerente regional, até as contas da prefeitura de Pinheiro. Um esquema de dá nojo.

Com o julgamento da Lei Complementar 135 (Ficha Limpa), a decisão dos TCE´s não precisa mais passar pela Câmara de Vereadores. Isso significa dizer que a oligarquia moribunda do coronel Sarney pode perseguir politicamente seus adversários utilizando o Tribunal de Contas e aliviando para seus seguidores, como é o caso de Filuca.

Diante do que se observa, conclui-se que no Maranhão os amigos do Rei Sarney continuarão impunes, como Filuca, mesmo sendo um corrupto reconhecido até pelos órgãos de fiscalização do governo a que serviu.

O TCE, como todo no Maranhão sabe, é composto por pessoas escolhidas a dedo pela oligarquia que massacra o povo humilde e desamparado do Estado, por isso, quando se digita o nome de Filuca não aparece nada contra ele, embora quem milite na política saiba perfeitamente do que ele capaz de fazer com dinheiro público.

Um comentário sobre “TCE “limpa” envolvido em escândalos de corrupção

  1. Filuca Apenas mostrou A Verdade De Toda História,Ze Arlindo Tentou de todas as formas torna-lo inelegivel Gastando o Que Podia mas não deu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *