Candidatos do concurso da Saúde podem consultar resultado e classificação preliminar do certame

KGÊ_Concursos-PúblicosA Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh) divulgou, nesta segunda-feira (21), o resultado e classificação preliminar do concurso público, que visa preencher mil vagas para o quadro efetivo da empresa. A lista está disponível para consulta no site o Instituto AOCP (www.institutoaocp.org.br), organizadora do concurso.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, reforça que todo o processo foi realizado com total transparência e isonomia. “O certame, que foi pedido por tantas pessoas, é uma realidade, e representa uma forma do governo profissionalizar e qualificar ainda mais a atuação dos profissionais na rede estadual da saúde, com transparência e isonomia”, ressaltou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Os candidatos têm o prazo de dois dias úteis para interposição de recursos, devidamente fundamentados, ao Instituto AOCP. Após esse período, será divulgado o resultado final no site da empresa organizadora.

As listas – ampla concorrência, cota para negros e pessoa com deficiência – estão organizadas por área de atuação e por ordem de classificação. Elas incluem todas as notas adquiridas na prova objetiva (Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Matemático, Legislação Aplicada à Emserh e Aplicada ao SUS, Conhecimentos Específicos) e na prova de títulos e/ou experiência, conforme o edital exigia para cada cargo.

“A gestão Flávio Dino tem dado especial enfoque à reestruturação das carreiras do serviço público estadual, sendo marcada pela realização de concursos públicos em diversas áreas estratégicas, incluindo este histórico concurso para a Saúde, que há quase três décadas não era realizado. Além de atender aos princípios exigidos por lei, o ingresso no serviço público por meio de concurso valoriza a competência técnica e o mérito pessoal como únicos critérios para a entrada de profissionais no setor público”, destaca o presidente da Emserh, Vanderley Ramos.

As vagas estão divididas em 28 cargos nas áreas médica, assistencial e administrativa. Os salários variam de R$ 1.000 até R$ 7.425,31.


Festa do Divino de Alcântara encerra com anúncio de reforma e criação de casas de cultura

FEsta do DivinoA Festa do Divino Espirito Santo de Alcântara, uma das mais tradicionais do Brasil, foi encerrada neste domingo (20) com a realização da tradicional Missa de Pentecostes do Divino, realizada na Igreja do Carmo, e o anúncio de obras de reforma e criação de novas casas de cultura pelo Governo do Estado.

Presente no encerramento, o governador Flávio Dino destacou a importância religiosa e cultural da festa.

“Nós valorizamos a cultura do Maranhão, por isso apoiamos todas as festas tradicionais do nosso estado. É um vetor importante para o desenvolvimento regional com a geração de empregos e oportunidades de trabalho, além da dimensão religiosa, que nós temos a visão de que o Estado tem o dever de apoiar todas as correntes filosóficas e fazemos isso de modo amplo”, afirma o governador.

Ainda durante a missa, Dom Hélio Rama, bispo da Diocese de Pinheiro, falou sobre a importância da presença do governador Flávio Dino na Festa do Divino. “Essa presença nos anima, nos ajuda para encontrarmos caminhos que nos mostram um futuro mais seguro, mais garantido para cada um de nós”.

A Festa do Divino de Alcântara é realizada há mais de três séculos e tem contado com o apoio do Governo do Maranhão, por meio da Secretária de Estado de Cultura e Turismo (Sectur), nos últimos anos.

Em 2018, aproximadamente R$ 300 mil foram doados para a realização da festa, que lotou becos e ruas da cidade histórica durante os 12 dias de festa. “O Governo do Estado vem apoiando a Festa do Divino nos últimos anos e esse ano continuamos com a valorização dessa festa que é reconhecida internacionalmente”, afirma o secretário da Cultura e Turismo, Diego Galdino.

O prefeito de Alcântara, Anderson Wilker, fez questão de agradecer o apoio e a realização de ações do Governo do Estado na cidade. “O estado tem sido um grande parceiro em várias ações no município de Alcântara e na Festa do Divino não foi diferente. Agradecemos o apoio do Governo não só na festa, mas em todas as ações que estão sendo feitas”.

Casas de Cultura

Durante o encerramento da festa, o Governo do Estado anunciou o início da reforma da Casa do Divino, que abriga a Casa da Imperatriz ou do Imperador (dependendo da escolha do ano) e a reforma e instalação fixa da Casa do Mordomo Régio, que atualmente funciona de forma improvisada e dependendo de doações do espaço.

Haroldo Júnior, um dos organizadores da festa, destaca a importância de ter um espaço próprio para abrigar os pertences do Mordomo Régio e dos Mordomos Baixos.

“Essa é mais uma comprovação que a Festa do Divino de Alcântara merece ser perpetuada, merece o apoio e tem tudo para continuar com essa tradição que eleva ainda mais o potencial da cidade de Alcântara pela fé que move os moradores a realizarem a festa, pela atração de turistas e que consegue fazer um ciclo de renovação a cada ano”, destaca Haroldo.

Com o anúncio, a casa que abrigou a festa esse ano será a sede fixa, onde também funcionará o Museu do Mordomo Régio durante o resto do ano.

Presente no encerramento, o governador Flávio Dino destacou a importância religiosa e cultural da festa. 


Sede da Promotoria de Justiça é inaugurada em Bequimão

Fachada_BequimãoA inauguração da reforma geral da sede da Promotoria de Justiça de Bequimão foi realizada na manhã desta quarta-feira, 16. A solenidade, que foi presidida pelo procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, contou com a participação de membros e servidores do Ministério Público do Maranhão, autoridades locais representantes dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, lideranças comunitárias, religiosas e populares.

O procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, reeleito para o biênio 2018-2020, saudou os presentes e destacou o trabalho realizado. Ele afirmou que “estamos de forma planejada e irrefreável superando as dificuldades conjunturais impostas. Trabalhamos com muito esforço para melhorar as condições físicas, estruturais, de equipamentos e recursos humanos, para que, cada vez mais, possamos trabalhar mais e melhor pelo cidadão e pela sociedade.”

Os investimentos feitos na estruturação das Promotorias de Justiça também foram abordados pelo chefe do MPMA em seu discurso. “Estamos em um processo de expansão e modernização da nossa estrutura física. Hoje inauguramos esta sede. Mas outras 17 Promotorias de Justiça já estão sendo construídas. Consolidamos a política de instalação das Promotorias de Justiça fora dos Fóruns e isso é importante para que a população veja o Ministério Público como instituição autônoma”, frisou Luiz Gonzaga Coelho.

Fita_Bequimão_Foto_Principal

Ele também destacou a valorização de membros e servidores. “Mais importante do que todo o material usado na construção de cada prédio, é o capital humano. São membros e servidores que trabalham incansavelmente, em todas as partes do estado do Maranhão, para fazer do Ministério Público uma instituição forte e atuante, exatamente como o cidadão precisa”, finalizou.

O diretor-geral da Procuradoria Geral de Justiça, Emmanuel José Peres Netto  Guterres Soares, iniciou seu discurso saudando o procurador-geral de justiça pelo resultado obtido na eleição, realizada no último dia 14.

Ao apresentar a reforma da Promotoria de Justiça de Bequimão, o diretor-geral da PGJ destacou que o projeto realizado inclui garagem, recepção, sala de reunião, gabinetes, sala de assessores, banheiros, apoio administrativo, arquivo, copa e área de serviço. Emmanuel Soares também citou que “as obras do Ministério Público seguem um padrão, incluindo instalações acessíveis e confortáveis para melhor receber o cidadão.”

A promotora de justiça Raquel Madeira Reis, titular da Comarca de Bequimão, relembrou a trajetória dos promotores que lhe antecederam na Promotoria. Ela destacou que “hoje, além de um lugar independente, o Ministério Público inaugura em Bequimão um prédio com localização privilegiada, com acessibilidade estrutural para receber com segurança e conforto para toda a população. Vamos exercer nossas funções em um prédio moderno, com instalações físicas que garantem um ambiente de trabalho saudável e produtivo.”

Também participaram da solenidade o diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais Marco Antonio Santos Amorim; os promotores de justiça Francisco de Assis Silva Filho (Cururupu), Sandra Fagundes (Açailândia) e Francisco Milhomem (Santa Helena). O corregedor-geral do Ministério Público do Maranhão, Eduardo Jorge Hiluy Nicolau, foi representado pelo promotor de justiça Danilo José de Castro Ferreira.

ESTRUTURA

Construído num terreno de 319,13 m², situado na Avenida Vivaldo Lemos Paixão, no centro da cidade, o terreno possui uma área edificada total de 127,93 m². Executada em oito meses, a obra teve custo total de R$ 244.171,49.

O prédio foi adequado para atender aos protocolos de acessibilidade e é dotado de garagem, recepção, sala de reunião, gabinete, banheiros acessíveis, sala de apoio administrativo, arquivo e área de serviço.

A obra contemplou, ainda, a instalação de cabeamento estruturado, para a integração de serviços como internet, intranet, telefonia PABX, CFTV (circuito fechado de televisão) e alarme; iluminação interna e externa tipo LED e climatização dos ambientes.


Pré-candidatura de Roseana Sarney agoniza

Robson PazROBSON PAZ

A 90 dias do fim do prazo de registro de candidaturas para as eleições de 7 de outubro, um mar de incertezas ronda a oposição sarneysista sobre o candidato que enfrentará o governador Flávio Dino na disputa pelo governo do Estado.

Há meses, escrevi neste espaço que o embate entre o governador Flávio Dino e a ex-governadora Roseana Sarney é improvável. Tese que se consolida à medida em que se aproxima o pleito.

A razão é simples. Sem apoio popular, político e aliada de Michel Temer, presidente mais rejeitado do país pós-ditadura, Roseana Sarney aposta as últimas fichas no poderio midiático do clã. E partiu para um festival de ataques Fake news ao governo Flávio Dino. Tentaram transformar em escândalo e envolver o governo no suicídio do médico Mariano Castro; no suposto monitoramento de políticos e a nomeação legal de capelães da Polícia Militar. Com baixa credibilidade e nenhum amparo na realidade, as investidas midiáticas da oposição sarneysista fracassaram, conforme atestam pesquisas.

A rejeição experimentada nas andanças pelo interior fez a emedebista recuar das aparições públicas. Aos defensores da candidatura de Roseana Sarney resta torcer por um ‘inusitado’ escândalo envolvendo o governo. Uma espécie de novo ‘Reis Pacheco’ para dar o mínimo de oxigênio ao projeto sarneysista de voltar ao poder. Chances remotas se considerarmos que o governo Flávio Dino se destaca como o mais eficiente do país, combate a corrupção e cuja transparência e controle dos gastos públicos saltou de zero para dez na escala da CGU (Controladoria Geral da União).

E na ausência de Roseana Sarney, qual será o posicionamento do clã? Apoiar Roberto Rocha? Estimular a candidatura de Eduardo Braide? Nenhuma coisa, nem outra. Ser a segunda força política do Estado não é a pior situação dos mundos. Menos ainda considerando que daqui a quatro anos haverá novo embate pelo governo e este não terá como candidato o governador Flávio Dino.

Por isso mesmo, Sarney não pensa na hipótese de transferir o espólio. Sabendo disso, o deputado estadual Eduardo Braide anunciará, nas próximas semanas, sua candidatura a deputado federal. Manterá, assim, o projeto de disputar a prefeitura de São Luís em 2020.

Pois bem, e o que faria o grupo Sarney? A prioridade do clã é eleger um senador. Com o olhar voltado para a eleição de 2022. A evidência aponta para a candidatura de Sarney Filho (PV). Mas, este poderá ser uma vez mais sacrificado e ceder a vaga para a irmã.

Qual seria a justificativa e quem substituiria Roseana Sarney? A explicação já começou a ser ensaiada. Roseana só aceitaria ser candidata ao governo no comando do MDB. Proposta, de pronto, recusada pelo senador João Alberto. Com a desistência de Roseana Sarney resta como alternativa a candidatura do fiel escudeiro de Sarney, João Alberto. Candidatura que cumprirá a tarefa de manter minimamente coeso os 25% orgânicos do grupo.

Aos demais candidatos do consórcio sarneysista restará resignarem-se à condição de linha auxiliar do projeto coronelista. E Flávio Dino segue com amplo favoritismo para conquistar o segundo mandato.

Radialista, jornalista. Secretário adjunto de Comunicação Social e diretor-geral da Nova 1290 Timbira AM.


Pesquisa DataIlha/TV Difusora aponta vitória de Flávio Dino no primeiro turno com 60 % dos votos

Pesquisa Difusora/DataIlhaPesquisa Data Ilha divulgada nesta terça-feira (15) pela TV Difusora aponta que, se as eleições fossem hoje o governador do Maranhão, Flávio Dino seria reeleito logo no primeiro turno, com 60,03% dos votos.

Encomendado pela TV Difusora a cinco meses do pleito, o levantamento aponta que Flávio Dino venceria a disputa com mais de 30 pontos percentuais na frente da segunda colocada, a ex-governadora Roseana Sarney (MDB), que aparece com 27,68% dos votos válidos.

Ainda segundo a pesquisa, em terceiro lugar, estaria o deputado estadual Eduardo Braide (PMN) com 6,87%, seguido por Roberto Rocha (PSDB) com 2,63%, Maura Jorge (PODE) com 1,40% e Ricardo Murad (PRP), que aparece em último lugar com 1,18%.

Na votação nominal, que considera os indecisos, brancos e nulos, Dino aparece na frente, com 52,36%. Nesse cenário, Roseana se mantém em segundo lugar com 24,15%, seguida por Braide com 5,99%, Roberto Rocha com 2,29%, Maura Jorge com 1,40 % e Ricardo Murad com 1,03%. Não souberam ou não responderam 4,91%. Brancos e nulos somaram 7,86%.

Aprovação

A pesquisa revelou ainda o nível de satisfação do governo Dino entre os maranhenses. Segundo o Instituto Data Ilha, o atual governo é aprovado por 60,09%. 37,01% dos entrevistados disseram desaprovar a atual gestão estadual.

A pesquisa foi registrada sob o número MA-05944/2018 no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e ouviu 2.137 maranhenses entre os dias 9 e 10 de maio. O instituto percorreu 37 cidades do estado.

É a segunda pesquisa Difusora/DataIlha divulgada este ano. A anterior foi em fevereiro e também apontava vitória de Flávio Dino no primeiro turno.


Governo divulga resultado final dos habilitados no credenciamento para o São João de Todos 2018

São João de TodosA Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur) divulgou lista final das propostas artísticas habilitadas no processo de credenciamento para o São João de Todos 2018, conforme Edital de Credenciamento nº 01/2018 – CSL/Sectur. O resultado pode ser conferido no site da Sectur (www.sectur.ma.gov.br), sessão Credenciamento Cultural.

A partir de agora será iniciada a segunda etapa do credenciamento, quando as propostas passarão por processo de classificação para fins de definição dos valores dos cachês e composição da programação. A classificação será realizada com base em critérios como qualidade artística cultural, tradição, identificação, preservação, tempo de existência, entre outros.

Participarão da comissão de avaliação do mérito cultural o Conselho Estadual de Cultura do Maranhão, a Comissão Maranhense de Folclore, a Comissão de Folclore de São Luís, o Conselho do Patrimônio Imaterial do Maranhão e o Conselho Nacional de Cultura.

A divulgação do resultado preliminar da classificação está prevista para o dia 21 de maio, e a lista final, após análise de recursos, sairá no dia 24.

Após esse processo, a programação do São João de Todos será divulgada no dia 28, conforme previsto no Edital.

Este ano, o São João de Todos será realizado no período de 15 de junho a 1º de julho, com arraiais em vários pontos de São Luís e Imperatriz.


Morre ex-governador do Maranhão Epitácio Cafeteira

Do Página 2

cafeteiraO ex-governador do Maranhão Epitácio Cafeteira, 93, morreu na tarde deste domingo (13), em Brasília, onde estava internado em UTI residencial.

A morte do ex-senador foi confirmada em nota pelo deputado estadual Rogério Cafeteira (DEM). “É um momento de bastante tristeza para toda a família. A perda, para mim que o considerava um segundo pai, está sendo muito difícil, mas com a certeza que agora ele descansa nos braços do nosso Deus todo poderoso!”, afirmou.

O governador Flávio Dino lamentou o falecimento do ex-governador Cafeteira. “Minha homenagem ao ex-governador do Maranhão Epitácio Cafeteira. Foi também deputado federal, senador e prefeito de São Luís. Que Deus o acolha.”, escreveu nas redes sociais.

Dino se solidarizou com a família de Cafeteira e decretou luto oficial por três dias no Estado. “Meu abraço solidário para toda a família, especialmente ao líder do nosso governo na Assembleia, deputado Rogério Cafeteira”, disse.

NOTA DE FALECIMENTO

É com imenso pesar e tristeza profunda que comunico a todos o falecimento do meu tio, ex-governador e ex-senador, Epitácio Cafeteira.

Ele encontrava-se enfermo e inspirava cuidados, em UTI residencial, decorridos de seu delicado estado de saúde.

Natural da Paraíba, Cafeteira veio ainda pequeno para o Maranhão, onde construiu uma admirável história política, dedicando a maior parte de sua vida a este estado, onde constituiu sua família.

Atualmente ele residia em Brasília e estava com 93 anos, deixando viúva a minha tia Isabel, de filha a minha prima Isabel e netos.

É um momento de bastante tristeza para toda a família. A perda, para mim que o considerava um segundo pai, está sendo muito difícil, mas com a certeza que agora ele descansa nos braços do nosso Deus todo poderoso!

Em nome de nossa família, agradeço as mensagens de solidariedade que temos recebido.

São Luís, 13 de maio de 2018
Rogério Cafeteira
Deputado Estadual

BIOGRAFIA

Bancário e contabilista, Cafeteira iniciou sua carreira política no Maranhão ao eleger-se suplente de deputado federal pelo PR em 1962 chegando a exercer o mandato mediante convocação. Em 1965 foi eleito prefeito de São Luís ingressando no MDB. Sua relação com o José Sarney oscilou ao longo dos anos entre a situação de aliado e a de adversário sendo que a primeira ruptura entre eles ocorreu a partir dos anos 1970, quando Cafeteira foi eleito deputado federal pelo MDB em 1974 e 1978 chegando a presidir o diretório regional do partido no Maranhão. Ao longo da década seguinte esteve integrado ao PMDB sendo reeleito deputado federal em 1982 e tão logo seu então adversário José Sarney assumiu a presidência da República (19851990), se reconciliam e Cafeteira foi eleito governador do Maranhão em 1986 com um percentual superior a 80% dos votos válidos.

Sua gestão frente ao executivo maranhense findou com a sua renúncia em 1990 quando já havia deixado o PMDB e se filiado ao PDC sendo eleito senador.

Extinto o PDC em 1993, Epitácio Cafeteira ingressou no PPR e foi derrotado por Roseana Sarney na disputa pelo governo do Maranhão no segundo turno das eleições de 1994 sendo novamente derrotado pela mesma adversária na disputa pelo Palácio dos Leões no primeiro turno das eleições de 1998 quando já estava filiado ao PPB, disputou a eleição para senador em 2002 pelo PDT, ficando em terceiro lugar. Abandonando sua postura de adversário da família Sarney foi eleito senador após fazer uma aliança com a mesma sendo filiado ao PTB em 2006.


Mães plenas de direitos

Por Flávio Dino

MãesNesses três anos de trabalho à frente do governo, tenho orgulho das obras que já entregamos. São 2.500 quilômetros de asfalto, mais de 750 escolas, 7 hospitais de grande porte e mais de mil viaturas policiais. Porém o que mais me alegra é que em cada um desses números está o verdadeiro objetivo desse governo, que é cuidar dos maranhenses. Não podia ser diferente com as mães, para as quais criamos projetos como o Pequeno Maranhense e a Rede Ninar.

Com o Programa Pequeno Maranhense, já entregamos 12 mil kits para as mães logo após o nascimento dos seus bebês. Para receber o kit, as mães precisam realizar seis consultas de pré-natal. É um estímulo a mais para que possam dar toda a atenção necessária a este momento da vida. Além do pré-natal, as mães também participam de rodas de apoio ao parto e ao nascimento, o que consolida o programa Pequeno Maranhense como uma medida de humanização no atendimento à saúde.

Já a Rede Ninar é composta das maternidades estaduais, da Casa da Gestante em Imperatriz, e do Centro de Referência em Neurodesenvolvimento, Assistência e Reabilitação de Crianças, em São Luís. No ano passado, inauguramos na rede a primeira UTI Materna do Maranhão. Também faz parte dessa rede uma das obras mais importantes do nosso governo que é a Casa de Apoio Ninar. Foram mais de 20 mil atendimentos realizados. Onde antes era uma mansão usada para festas e banquetes em governos passados, agora é um local de acolhimento a mães e filhos.

Cuidar bem das pessoas também é a missão da Casa da Gestante, reconstruída e inaugurada em nosso governo na cidade de Imperatriz, para apoio às pacientes do Hospital Regional Materno Infantil. Lá, as mulheres de toda a Região Tocantina têm um atendimento qualificado com equipe multidisciplinar, tanto para o apoio às gestantes de risco quanto aos primeiros dias de mães que tiveram algum tipo de dificuldade no parto.

Além da Rede Ninar, lembro o Bolsa Escola como um grande presente que já demos às mães, com a entrega de mais de R$ 150 milhões para que elas comprassem material escolar para seus filhos. Afinal, todos nós pais e mães ficamos felizes com um apoio verdadeiro e sério à educação dos nossos filhos, como agora está sendo feito no Maranhão com o Programa Escola Digna.

São alguns dos muitos presentes e direitos que o nosso governo, que olha para quem mais precisa, está garantindo às mães do Maranhão. A elas minhas homenagens e a minha gratidão.

Advogado, 50 anos, Governador do Maranhão. Foi presidente da Embratur, deputado federal e juiz federal.


Governo apresenta ações a lideranças quilombolas do município de Bequimão

Seir-QuilombolasNesta quarta e quinta-feiras, lideranças quilombolas do município de Bequimão estiveram reunidas com o secretário de igualdade racial e assessores da Seir, para apresentarem as demandas das comunidades daquele município para os representantes do governo estadual.

Os quilombolas apresentaram demandas relativas às questões de saúde da população negra, educação, estradas vicinais, certificação de comunidades quilombolas e outras.

No encontro, o secretário de Igualdade Racial, Gerson Pinheiro e os assessores da Seir, Iracema Amorim e Luis Henrique Fontes, apresentaram todas as ações da política de igualdade racial desenvolvidas pelo governo estadual, com foco nas ações realizadas nos municípios da Baixada Maranhense.

Quanto as demandas apresentadas, o secretário Gerson esclareceu sobre o funcionamento da política de saúde da população negra e deu informes sobre as escolas dignas que estão sendo construídas pelo governo. Às outras demandas da comunidade, o secretário informou que dará encaminhamento junto aos órgãos competentes.

Foi informado ainda que a Seir trabalha em parceria com a gestão municipal de Igualdade Racial, apoiando diversas ações, como a semana do bebê quilombola, que se trata de uma ação articulada da prefeitura voltada para a saúde de mães e bebês moradores dos quilombos daquele município.

No diálogo com as lideranças, o secretário Gerson Pinheiro deu foco especial á realização das Caravanas Quilombolas que estão sendo realizadas em várias regiões do Estado e que vai acontecer em municípios da baixada maranhense, em em quilombos de Viana (15 e 16), Pinheiro (21 e 22) e Pedro do Rosário (24 e 25).


Inquérito que investiga Victor Mendes é enviado para a Justiça Federal

Da Agência Brasil

victor-mendes-550x365O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou hoje (10) mais seis processos contra parlamentares para instâncias inferiores, aplicando o entendimento recém-firmado pelo plenário de que só devem tramitar na Corte investigações contra parlamentares que apurem fatos ocorridos durante e em razão do mandato.

Dos processos baixados de instância pelo ministro, três são ações penais, quando já houve denúncia aceita e o investigado passou à condição de réu. Outros três são inquéritos, ainda na fase de apuração pela autoridade policial e promotores, como é o caso do deputado maranhense Vitor Mendes.

Passada uma semana desde que o STF restringiu sua interpretação sobre o direito constitucional de parlamentares a foro especial, ao menos 50 processos já foram remetidos a instâncias inferiores.

Confira abaixo quais são e para onde foram os processos declinados nesta quinta-feira por Celso de Mello:

Ações penais

– Senador Dário Berger (MDB-SC) – denunciado por supostos desvios na construção de uma rodovia quando era prefeito de São José (SC), no ano 2000. O processo foi enviado para o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

– Deputado Subtenente Gonzaga (PDT-MG) – denunciado por gestão fraudulenta de entidade previdenciária entre os anos de 2004 e 2005. O processo foi enviado para o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1).

– Deputado Ronaldo Lessa (PDT-AL) – denunciado por calúnia em 2013 após atacar procuradores da República que o haviam denunciado em outro processo. O caso foi remetido para o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5).

Inquéritos           

– Deputado Marco Tebaldi (PSDB-SC) – Investigado por desvios de recursos públicos. O caso foi enviado para o Tribunal de Justiça de Santa Catarina

– Deputada Shéridan (PSDB-RR) – Investigada por compra de votos durante a campanha eleitoral quando era primeira-dama de Roraima, em 2009. O caso foi enviado para a Justiça Eleitoral do estado.

– Deputado Victor Mendes (MDB-MA) – Não há detalhes sobre o caso, pois o processo tramita em sigilo. O inquérito foi enviado ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1).