Nove partidos têm pré-candidatos a prefeito em Bequimão

partidos politicosA pouco mais de um ano para as eleições municipais de 2020, pelo menos, nove partidos políticos se movimentam para disputar a prefeitura de Bequimão.

Mais de uma dezena de pré-candidatos se articulam para viabilizar candidaturas a prefeito. Onze já anunciaram ou tiveram as pré-candidaturas lançadas pelos partidos ou agrupamentos.

No grupo de oposição ao atual prefeito há cinco partidos com pré-candidaturas.

Agora no PRB, César Cantanhede anunciou que será novamente candidato a prefeito.

O PCdoB, partido liderado no estado pelo governador Flávio Dino, apresentou três pré-candidatos: o jornalista Robson Paz, secretário adjunto de Comunicação do Estado; o diretor da escola Manuel Beckman, professor Francisco Ferreira; e o ex-vereador Elanderson.

O PDT trabalha a pré-candidatura do ex-prefeito Antônio Diniz.

O PSB articula o nome do ex-vereador Dico da Farmácia como pré-candidato, enquanto o PR deve lançar a pré-candidatura do também ex-vereador Robson Cheira.

O prefeito Zé Martins (MDB) fez café da manhã para anunciar o irmão João Martins, ex-superintendente do Sebrae-MA como pré-candidato. Ele estaria no comando do PSDB, partido pelo qual disputaria a eleição.

No grupo do prefeito, o anúncio deixou aliados insatisfeitos. A secretária de Cultura, Dinha Pinheiro (PMB), tem feito movimentos visando viabilizar a candidatura a prefeita. Outro que tem manifestado o desejo de outra vez entrar na disputa majoritária é o PT, que poderá lançar o atual vice-prefeito Magal.

Até o PSL, partido do presidente Bolsonaro, também se movimenta para lançar pré-candidato próprio a prefeito em 2020.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *