PCdoB lança campanha contra a “reforma” da Previdência Social

Com o slogan “Defenda sua aposentadoria, ou no final quem quebra é você”, a campanha visa fazer o público despertar para o que ele está perdendo e com isso, convocando os trabalhadores e trabalhadoras para fazer a defesa dos seus direitos. O “quebra” faz um contra-ponto com a campanha apresentada pelo governo federal em defesa da “reforma”.

Leia a apresentação:

O governo Bolsonaro quer dificultar ou acabar com a sua aposentadoria, aumentando a idade para homens e mulheres, além de diminuir e congelar o valor dos benefícios.

Dizem que seu direito a uma aposentadoria digna é a causa dos males do Brasil. Mentira! Querem meter a mão no seu bolso. Somando tudo, será mais de um trilhão de reais tirados dos trabalhadores e transferidos para banqueiros.

A juventude terá que aderir ao famigerado “regime de capitalização” resultante da privatização da Previdência. É a troca do sistema seguro de contribuição solidária pelo da ganância dos bancos, no qual a aposentadoria será uma miséria, sem garantia.

A reforma de Bolsonaro também ataca a seguridade social, como tratamento de saúde, proteção à maternidade, pagamento de pensões para pessoas com deficiências e idosas, e outros direitos assegurados pela Constituição.

A Previdência poderia ter muito mais recursos se o governo fosse enérgico na cobrança de quem deve montanhas de contribuições previdenciárias. Também poderia criar condições para a economia crescer, gerando emprego e renda, aumentando os contribuintes do fundo geral das aposentadorias e dos benefícios.

Agora que está claro para você que o governo não quer reformar a Previdência, mas acabar com ela, venha somar forças com o PCdoB para defender sua aposentadoria. Juntos, lutando nas ruas e nas redes sociais.

O PCdoB está com você nesta luta.

Saiba mais sobre a campanha aqui.


Caravana Lula Livre realiza ato político em Bequimão, nesta sexta (21)

Lula Livre-BequimãoA Caravana Lula Livre estará no município de Bequimão, nesta sexta-feira (21).

A agenda é organizada pela Coordenação Executiva da campanha do candidato a presidente Fernando Haddad (PT) no Maranhão.

Os atos que começam com carreata às 16h, na cidade de Bequimão, terão a participação do coordenador e ex-secretário de Esportes, Márcio Jardim, do secretário adjunto de Comunicação, Robson Paz, e dirigentes locais do PT, PCdoB, lideranças de partidos aliados e movimentos sociais.

Após a carreata, a caravana seguirá para o povoado de Pontal, onde será realizada panfletagem e ato político, às 18h.


Márcio Jerry fala sobre convenção do PCdoB que acontece neste sábado (28)

Em entrevista ao jornal ‘Bom Dia Maranhão’, da TV Difusora, na manhã desta sexta-feira (27), o presidente do PCdoB-MA, Márcio Jerry, falou sobre a Convenção Todos Pelos Maranhão, que acontece neste sábado (28), às 8h30, no Multicenter Sebrae. Ao jornalista Adalberto Melo, Márcio contou que será o momento de reunir os 15 partidos da coalizão, para definir o projeto de candidatura de reeleição do governador Flávio Dino e de eleição dos deputados federais Weverton Rocha e Eliziane Gama ao Senado.

Aguardando apoiadores e militantes das siglas vindo de todas as regiões do Maranhão, espera-se que a Convenção seja um grande ato, com destacado volume e qualificado debate. “Será a maior convenção partidária da história do Maranhão, não só pela quantidade, mas pela animação, pela vibração, pela mobilização e pela convicção que o Maranhão vai continuar no rumo certo”, adiantou Márcio.

Jerry-Bom dia
Durante a entrevista, o presidente do PCdoB lembrou que houve uma ampliação da base aliada quando comparada com as eleições de 2014, passando de nove para 15 partidos, atualmente. Para Jerry, o aumento nada mais é do que o reconhecimento do trabalho de transformação e ruptura que a gestão do governador Flávio Dino vem realizando no Maranhão.

“Primeiro, é o reconhecimento do trabalho. Segundo, o sentido de fazer política buscando a união e valorizando o diálogo. O governador Flávio Dino tem liderado um processo de mudança e ao mesmo tempo um processo de união. E é isso que faz com que tenhamos 15 partidos políticos integrados a este projeto de reeleição do governador Flávio Dino, para que o Maranhão prossiga no rumo certo que ele tem colocado”, considerou.

Relação com PT

Durante a entrevista, Márcio assegurou que o grupo tem total confiança que o PT marchará desta vez com o PCdoB, que é um partido que é aliado do PT há décadas e tem uma relação que não foi construída agora, no processo pré-eleitoral. Ele lembrou que mesmo quando, formalmente, o PT não pôde, em 2010 e 2014, estar alinhado ao PCdoB, ainda assim a militância petista esteve com o Flávio.

“Agora vamos marchar não só com a militância do PT, que tem uma identidade muito forte com o ideário liderado pelo governador Flávio Dino, com a forma de governar de Flávio Dino, como também de maneira bem efetiva coligado a estes partidos e ao PCdoB. Temos muita convicção e esperança que a convenção do PT reafirmará o resultado”, defendeu Jerry.

Chapas proporcionais

Questionado sobre a formação das chapas para as eleições proporcionais, Márcio Jerry adiantou que tudo tem sido decidido mediante muito diálogo e considerando o que pode ser melhor para todas as legendas do grupo. O PT, segundo ele, deverá formar chapa única, tanto para deputado federal quanto para Estadual e foram agrupados, por consenso, os demais partidos em outras chapas.

Como resultado: na disputa à Assembleia Legislativa, terá a chapa dos PT mais outras três e na eleição para deputado federal, serão mais duas chapas, além da petista.


Erro de avaliação?

Robson PazROBSON PAZ

A despeito de toda engenharia da elite política, jurídica e midiática, a desarmonia de parte das forças de esquerda contribuiu significativamente para a concretização do golpe parlamentar, que retirou a presidenta Dilma Rousseff do poder, em 2016.

Há vários os exemplos. A dispersão de partidos como o PSB, que apoiou o impeachment. É um destes. Mesmo no PT, houve quem avaliasse que o afastamento de Dilma em meio ao desgaste resultante da crise econômica abriria caminho para a volta triunfal do ex-presidente Lula. Erro de leitura monumental.

Afastada a presidenta legitimamente eleita, passo seguinte do consórcio golpista foi a condenação, sem provas, do ex-presidente e o conseqüente enquadramento na Lei da Ficha Limpa. A prisão política tem como pano de fundo impedir que Lula, líder em todas as pesquisas, dispute a eleição e conquiste nas urnas o terceiro mandato para a Presidência da República.

Pois bem. Enquanto a direita e o centrão selam aliança pró-Geraldo Alckmin (PSDB), os partidos de esquerda teimam em não construir o caminho da unidade. Contrariam a vontade popular, manifesta em todos os levantamentos estatísticos realizados, que reprova o modelo de gestão imposto pelos conservadores ora no Palácio do Planalto.

Apesar de reiterados apelos do PCdoB pela união, o fato concreto é que PT, PSB, PT e PSol caminham a passos largos para a pulverização de candidaturas presidenciais deixando o terreno livre para as candidaturas patrocinadas pelos artífices do golpe, que interrompeu o ciclo de governos populares e progressistas iniciado em 2003 e consequentemente levou o ex-presidente Lula para a prisão.

A coesão dos partidos de centro-direita garantiu tamanha tranquilidade ao pré-candidato Geraldo Alckmin, que este se dá ao luxo de prospectar adversários. Reportagem do Jornal Folha de S. Paulo, no último domingo, 22, afirma que o ex-governador de São Paulo prevê segundo turno em que enfrentará o candidato do PT, apoiado pelo ex-presidente Lula.

Tese reiterada nesta segunda por articulista do jornal paulista. Não é difícil entender a razão da predileção. Basta lembrar que antes mesmo do impeachment de Dilma e da prisão de Lula, o PT foi alvo de campanha sistemática da grande mídia numa tentativa torná-lo sinônimo de corrupção.

A repercussão foi de tal dimensão que o processo de afastamento da presidenta Dilma se deu mesmo sem provas, em grande medida pela repulsa de parte da população ao PT sob o discutível argumento de combate à corrupção seletivamente.

De todo este massacre jurídico midiático sobrou a figura do ex-presidente Lula, que a despeito de toda a campanha manteve-se com índices elevados de popularidade. De sorte, que, mesmo preso político, lidera todas as pesquisas de intenção de votos para a presidente.

Seria esta umas das razões pelas quais Alckmin do alto de sua experiência político eleitoral aposta (ou torce?) que enfrentará candidato do PT no segundo turno?

Toda esta conjuntura exige desprendimento das forças progressistas para evitar que a elite conservadora dê o golpe final e legitime nas urnas o processo arbitrário e antidemocrático em curso no país.

Radialista, jornalista, Secretário adjunto de Comunicação Social e diretor-geral da Nova 1290 Timbira AM.


PCdoB de Bequimão elege nova direção em Conferência Municipal

WhatsApp Image 2017-10-08 at 15.45.03O Partido Comunista do Brasil do município de Bequimão elegeu novo Diretório Municipal e Comitê Político, no último domingo (8), na 2ª Conferência Municipal do partido, na sede do Sindicato dos Professores.

A técnica judiciária Amércia Suzane foi eleita, por unanimidade, para a presidência do partido. É a primeira vez que uma mulher vai presidir um partido político em Bequimão.

O comitê político conta ainda com a professora Ivanete Freitas como vice-presidente, o ex-presidente Elanderson será o secretário de Organização e José Mário secretário de Finanças.PCdoB Bequimao

Foram eleitos para o diretório municipal do partido o vereador Fredson, Terezinha, Gisele, Robson Paz, Francisco Braziliano, Elanderson, Amércia Suzane, Ivanete Freitas e José Mário.

O partido elegeu também o vereador Fredson e a presidente Amércia como delegados para participar da Conferência Estadual, que será realizada em São Luís.

Emocionada, Amércia agradeceu a confiança da militância, da direção do partido e  afirmou que trabalhará para fortalecer o PCdoB no município. “O PCdoB tem uma história de lutas em favor do Brasil e de nossa população. Hoje, nos emocionamos ao ver o governador Flávio Dino trabalhando em todo o Maranhão por aqueles que foram esquecidos, bem como em Bequimão, que nunca foi tão beneficiada por um governo quanto está sendo agora”, disse.

PCdoB Bequimao -mulheresElanderson fez um balanço de sua atuação e ressaltou o ineditismo do partido em eleger uma mulher para a presidência. “Conseguimos desenvolver um trabalho importante à frente do partido nos últimos dois anos, que nos garantiu representação na Câmara de Vereadores e ativa participação na política de Bequimão. Agora, temos a primeira mulher a presidir um partido político em nosso município. O PCdoB sempre na vanguarda da história e agora, também em nosso município”, afirmou.

Também participaram da Conferência os vereadores Fredson (PCdoB) e Raquel Paixão (PSDB), o presidente do PSB, Antônio Simião, o ex-prefeito Bernal, o secretário adjunto de Comunicação e diretor-geral da Rádio Timbira, Robson Paz, o presidente do PCdoB de Santa Helena, Eli Carlos, entre outras lideranças políticas e comunitárias.


PCdoB reúne vereadores para orientar atuação nas Câmaras Municipais

2016-12-02-photo-00000021A direção estadual do PCdoB Maranhão reuniu na última sexta os vereadores eleitos e reeleitos pela legenda. O partido elegeu 212 vereadores e agora se empenha em orientar a atuação deles nas Câmaras Municipais. “Fizemos um momento de integração e também de orientação sobre as atividades deles no legislativo municipal”, explicou o presidente do partido, Márcio Jerry.

Os vereadores assistiram a um painel com relatos de experiências e debateram a conjuntura política do estado. “Saimos do evento mais unidos ainda, dispostos a manter em todos os municípios a bandeira do nosso partido erguida e a fazer a defesa do governo Flávio Dino, que vem realizando grandes e importantes mudanças no Maranhão”, declarou o vereador reeleito Carlos Hermes, de Imperatriz.2016-12-02-photo-00000019

O vereador Fredson, eleito pelo PCdoB de Bequimão, participou do encontro e elogiou a iniciativa. “Muito importante pois tivemos acesso a informações e experiências, que serão úteis para o exercício do nosso mandato, além da interação com todos os vereadores eleitos pelo partido”, disse.

2016-12-02-photo-00000017O PCdoB Maranhão anunciou ao final a criação de um Fórum Permanente dos Vereadores e Vereadoras Comunistas, que manterá uma agenda de reuniões e ações nos legislativos municipais.


PCdoB realiza reunião com prefeitos e vice-prefeitos eleitos pelo partido

14721444_310465109324895_2919394931071563491_nNa manhã desta sexta-feira, dia 14, os 46 prefeitos e 27 vices do PCdoB que foram eleitos em 2016, participaram de uma reunião com os dirigentes estaduais do partido e com o governador Flávio Dino.

O encontro contou ainda com a presença do deputado federal Rubens Pereira Júnior, do deputado estadual Othelino Neto, da deputada estadual Ana Mendonça, e do representante do governo estadual em Brasília, Ricardo Cappelli, além de vários secretários estaduais.

Durante o encontro, foram discutidas diretrizes de transição de governo e pontos estratégicos de ações a serem executadas durante a gestão dos prefeitos eleitos.

Márcio Jerry, presidente do diretório estadual do partido, iniciou a reunião relatando a importância da vitória obtida nas eleições 2016 e relação do exito da legenda nos municípios com a boa aprovação popular do governador Flávio Dino em todo o Maranhão, ressaltando os desafios que os gestores enfrentarão nos próximos quatro anos.

“Cada um e cada uma que assumirão o comando municipal, ou que foram reconduzidos, pesa uma responsabilidade muito grande. Vamos iniciar o governo em um momento muito delicado na vida econômica do país. O Brasil em crise acaba repercutindo nos estados e nos municípios, o que retrai a capacidade de fazer investimentos. É um momento que exige muito cuidado e otimização dos recursos”, apontou Jerry.

Gestão pública em tempos de crise econômica

Após alguns prefeitos fazerem uso da palavra, o governador Flávio Dino parabenizou os gestores pela vitória e alertou a necessidade de se fazer uma administração com base em planejamento para otimizar os recursos em época de crise.

“Eu quero convidar a vocês exercer uma gestão com planejamento, para fazermos mais com menos. Esse é o nosso desafio para melhor enfrentar os problemas da população”, comentou Flávio Dino.

Flávio Dino falou ainda sobre a necessidade de uma nova cultura política no Maranhão. “Estamos mudando a destinação dos recursos públicos. Antes os recursos eram apropriados por poucos e por interesses privados”, ressaltou Dino.

“Cortamos R$ 300 milhões em gastos desnecessários”

O governador salientou ainda que é necessário ter respeito com os recursos públicos, e só com responsabilidade e probidade fiscal e administrativa é possível fazer uma gestão eficiente. “Conseguimos viver em meio a essa crise econômica porque acabamos com privilégios e cortamos R$ 300 milhões em gastos desnecessários”, assinalou.

Dino enfatizou que a população não aceita mais qualquer tipo de administrador, e que é essencial ao governante conversar com a população para conhecer de perto as reais necessidades de cada município.⁠⁠⁠⁠


PCdoB garante unidade e César Cantanhede é candidato da oposição

image

A oposição marchará unida na disputa pela Prefeitura de Bequimão. O candidato a prefeito será Cesar Cantanhede (PSDB) com o vice indicado pelo ex-prefeito Antônio Diniz (PDT), provavelmente Magal do PT.

A união foi selada após intenso trabalho de articulação entre as lideranças partidárias. Coube ao PCdoB, em nome da unidade do grupo político, abrir mão da candidatura do vereador Elanderson a vice-prefeito.

“Quero agradecer ao Robson Paz e ao vereador Elanderson e reconhecer o gesto de humildade do PCdoB de Bequimão por não medir esforços para ajudar a construir a união do nosso grupo”, afirmou Cesar Cantanhede.

Agora, todos os partidos da base aliada ao governo do Estado estarão em palanque único nas eleições de outubro. “A unidade do nosso campo político é um grande passo na caminhada em busca da vitória e do desenvolvimento com justiça social para o nosso município. Todos que participaram dessa construção merecem nosso reconhecimento. A população será a grande vitoriosa, pois teremos um prefeito aliado e parceiro do município”, disse o subsecretário Robson Paz (Comunicação e Assuntos Políticos).

Os partidos decidiram ainda as coligações proporcionais. Serão duas chapas: uma reunirá PCdoB, PSDB e PSB. A outra terá PDT, PT e PRTB.


Convenções oficializam candidaturas e coligações do PCdoB em mais de 70 municípios

(Convenção do PCdoB lotada em cidade do interior do MA no último fim de semana. Foto-Divulgação)A partir desta sexta-feira (29), até o domingo (31), convenções homologarão nomes de candidatos e coligações do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) em mais de 70 cidades do Maranhão para a disputa eleitoral de 2016.

No último sábado (23) e no domingo (24), muita animação e forte comoção popular marcaram o primeiro fim de semana de convenções em várias cidades maranhenses. Durante convenção do PCdoB-MA realizada no sábado (23), no Convento das Mercês, a agremiação definiu apoio à reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, que terá a candidatura oficialmente homologada em convenção do Partido Democrático Trabalhista (PDT) de São Luís, a ser realizada das 8h às 13h deste sábado (30), na Batuque Brasil (Cohama).

Convenções em todo o Maranhão

Com candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador em 216 dos 217 municípios do estado, o PCdoB, partido com 94 anos de luta social, vem ganhando volume no cenário político maranhense desde a vitória de Flávio Dino nas Eleições de 2014, fato histórico que encerrou o ciclo hegemônico de quase 50 anos de poder do grupo Sarney no Maranhão.

A direção estadual do partido está empenhada em participar e apoiar todas as convenções municipais realizadas pelo PCdoB no estado. Flávio Dino em Timon e Barreirinhas Nesta sexta-feira (29), o governador do Maranhão, Flávio Dino, participa da Convenção Partidária em Timon, onde o PCdoB apoia a reeleição do atual prefeito da cidade, Luciano Leitoa (PSB), e a candidatura do vice-prefeito, João Rodolfo (PCdoB).

No sábado (30), o governador vai a Barreirinhas para a convenção que oficializará o nome do ex-juiz do Trabalho e advogado, Amílcar Rocha (PCdoB), como candidato a prefeito. Já no domingo (31), Dino prestigiará convenção do partido em Raposa, região metropolitana de São Luís, onde participa da homologação da candidatura de Talita Laci (PCdoB) para assumir a prefeitura do município.