PCdoB de Bequimão elege nova direção em Conferência Municipal

WhatsApp Image 2017-10-08 at 15.45.03O Partido Comunista do Brasil do município de Bequimão elegeu novo Diretório Municipal e Comitê Político, no último domingo (8), na 2ª Conferência Municipal do partido, na sede do Sindicato dos Professores.

A técnica judiciária Amércia Suzane foi eleita, por unanimidade, para a presidência do partido. É a primeira vez que uma mulher vai presidir um partido político em Bequimão.

O comitê político conta ainda com a professora Ivanete Freitas como vice-presidente, o ex-presidente Elanderson será o secretário de Organização e José Mário secretário de Finanças.PCdoB Bequimao

Foram eleitos para o diretório municipal do partido o vereador Fredson, Terezinha, Gisele, Robson Paz, Francisco Braziliano, Elanderson, Amércia Suzane, Ivanete Freitas e José Mário.

O partido elegeu também o vereador Fredson e a presidente Amércia como delegados para participar da Conferência Estadual, que será realizada em São Luís.

Emocionada, Amércia agradeceu a confiança da militância, da direção do partido e  afirmou que trabalhará para fortalecer o PCdoB no município. “O PCdoB tem uma história de lutas em favor do Brasil e de nossa população. Hoje, nos emocionamos ao ver o governador Flávio Dino trabalhando em todo o Maranhão por aqueles que foram esquecidos, bem como em Bequimão, que nunca foi tão beneficiada por um governo quanto está sendo agora”, disse.

PCdoB Bequimao -mulheresElanderson fez um balanço de sua atuação e ressaltou o ineditismo do partido em eleger uma mulher para a presidência. “Conseguimos desenvolver um trabalho importante à frente do partido nos últimos dois anos, que nos garantiu representação na Câmara de Vereadores e ativa participação na política de Bequimão. Agora, temos a primeira mulher a presidir um partido político em nosso município. O PCdoB sempre na vanguarda da história e agora, também em nosso município”, afirmou.

Também participaram da Conferência os vereadores Fredson (PCdoB) e Raquel Paixão (PSDB), o presidente do PSB, Antônio Simião, o ex-prefeito Bernal, o secretário adjunto de Comunicação e diretor-geral da Rádio Timbira, Robson Paz, o presidente do PCdoB de Santa Helena, Eli Carlos, entre outras lideranças políticas e comunitárias.


PCdoB reúne vereadores para orientar atuação nas Câmaras Municipais

2016-12-02-photo-00000021A direção estadual do PCdoB Maranhão reuniu na última sexta os vereadores eleitos e reeleitos pela legenda. O partido elegeu 212 vereadores e agora se empenha em orientar a atuação deles nas Câmaras Municipais. “Fizemos um momento de integração e também de orientação sobre as atividades deles no legislativo municipal”, explicou o presidente do partido, Márcio Jerry.

Os vereadores assistiram a um painel com relatos de experiências e debateram a conjuntura política do estado. “Saimos do evento mais unidos ainda, dispostos a manter em todos os municípios a bandeira do nosso partido erguida e a fazer a defesa do governo Flávio Dino, que vem realizando grandes e importantes mudanças no Maranhão”, declarou o vereador reeleito Carlos Hermes, de Imperatriz.2016-12-02-photo-00000019

O vereador Fredson, eleito pelo PCdoB de Bequimão, participou do encontro e elogiou a iniciativa. “Muito importante pois tivemos acesso a informações e experiências, que serão úteis para o exercício do nosso mandato, além da interação com todos os vereadores eleitos pelo partido”, disse.

2016-12-02-photo-00000017O PCdoB Maranhão anunciou ao final a criação de um Fórum Permanente dos Vereadores e Vereadoras Comunistas, que manterá uma agenda de reuniões e ações nos legislativos municipais.


PCdoB realiza reunião com prefeitos e vice-prefeitos eleitos pelo partido

14721444_310465109324895_2919394931071563491_nNa manhã desta sexta-feira, dia 14, os 46 prefeitos e 27 vices do PCdoB que foram eleitos em 2016, participaram de uma reunião com os dirigentes estaduais do partido e com o governador Flávio Dino.

O encontro contou ainda com a presença do deputado federal Rubens Pereira Júnior, do deputado estadual Othelino Neto, da deputada estadual Ana Mendonça, e do representante do governo estadual em Brasília, Ricardo Cappelli, além de vários secretários estaduais.

Durante o encontro, foram discutidas diretrizes de transição de governo e pontos estratégicos de ações a serem executadas durante a gestão dos prefeitos eleitos.

Márcio Jerry, presidente do diretório estadual do partido, iniciou a reunião relatando a importância da vitória obtida nas eleições 2016 e relação do exito da legenda nos municípios com a boa aprovação popular do governador Flávio Dino em todo o Maranhão, ressaltando os desafios que os gestores enfrentarão nos próximos quatro anos.

“Cada um e cada uma que assumirão o comando municipal, ou que foram reconduzidos, pesa uma responsabilidade muito grande. Vamos iniciar o governo em um momento muito delicado na vida econômica do país. O Brasil em crise acaba repercutindo nos estados e nos municípios, o que retrai a capacidade de fazer investimentos. É um momento que exige muito cuidado e otimização dos recursos”, apontou Jerry.

Gestão pública em tempos de crise econômica

Após alguns prefeitos fazerem uso da palavra, o governador Flávio Dino parabenizou os gestores pela vitória e alertou a necessidade de se fazer uma administração com base em planejamento para otimizar os recursos em época de crise.

“Eu quero convidar a vocês exercer uma gestão com planejamento, para fazermos mais com menos. Esse é o nosso desafio para melhor enfrentar os problemas da população”, comentou Flávio Dino.

Flávio Dino falou ainda sobre a necessidade de uma nova cultura política no Maranhão. “Estamos mudando a destinação dos recursos públicos. Antes os recursos eram apropriados por poucos e por interesses privados”, ressaltou Dino.

“Cortamos R$ 300 milhões em gastos desnecessários”

O governador salientou ainda que é necessário ter respeito com os recursos públicos, e só com responsabilidade e probidade fiscal e administrativa é possível fazer uma gestão eficiente. “Conseguimos viver em meio a essa crise econômica porque acabamos com privilégios e cortamos R$ 300 milhões em gastos desnecessários”, assinalou.

Dino enfatizou que a população não aceita mais qualquer tipo de administrador, e que é essencial ao governante conversar com a população para conhecer de perto as reais necessidades de cada município.⁠⁠⁠⁠


PCdoB garante unidade e César Cantanhede é candidato da oposição

image

A oposição marchará unida na disputa pela Prefeitura de Bequimão. O candidato a prefeito será Cesar Cantanhede (PSDB) com o vice indicado pelo ex-prefeito Antônio Diniz (PDT), provavelmente Magal do PT.

A união foi selada após intenso trabalho de articulação entre as lideranças partidárias. Coube ao PCdoB, em nome da unidade do grupo político, abrir mão da candidatura do vereador Elanderson a vice-prefeito.

“Quero agradecer ao Robson Paz e ao vereador Elanderson e reconhecer o gesto de humildade do PCdoB de Bequimão por não medir esforços para ajudar a construir a união do nosso grupo”, afirmou Cesar Cantanhede.

Agora, todos os partidos da base aliada ao governo do Estado estarão em palanque único nas eleições de outubro. “A unidade do nosso campo político é um grande passo na caminhada em busca da vitória e do desenvolvimento com justiça social para o nosso município. Todos que participaram dessa construção merecem nosso reconhecimento. A população será a grande vitoriosa, pois teremos um prefeito aliado e parceiro do município”, disse o subsecretário Robson Paz (Comunicação e Assuntos Políticos).

Os partidos decidiram ainda as coligações proporcionais. Serão duas chapas: uma reunirá PCdoB, PSDB e PSB. A outra terá PDT, PT e PRTB.


Convenções oficializam candidaturas e coligações do PCdoB em mais de 70 municípios

(Convenção do PCdoB lotada em cidade do interior do MA no último fim de semana. Foto-Divulgação)A partir desta sexta-feira (29), até o domingo (31), convenções homologarão nomes de candidatos e coligações do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) em mais de 70 cidades do Maranhão para a disputa eleitoral de 2016.

No último sábado (23) e no domingo (24), muita animação e forte comoção popular marcaram o primeiro fim de semana de convenções em várias cidades maranhenses. Durante convenção do PCdoB-MA realizada no sábado (23), no Convento das Mercês, a agremiação definiu apoio à reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, que terá a candidatura oficialmente homologada em convenção do Partido Democrático Trabalhista (PDT) de São Luís, a ser realizada das 8h às 13h deste sábado (30), na Batuque Brasil (Cohama).

Convenções em todo o Maranhão

Com candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereador em 216 dos 217 municípios do estado, o PCdoB, partido com 94 anos de luta social, vem ganhando volume no cenário político maranhense desde a vitória de Flávio Dino nas Eleições de 2014, fato histórico que encerrou o ciclo hegemônico de quase 50 anos de poder do grupo Sarney no Maranhão.

A direção estadual do partido está empenhada em participar e apoiar todas as convenções municipais realizadas pelo PCdoB no estado. Flávio Dino em Timon e Barreirinhas Nesta sexta-feira (29), o governador do Maranhão, Flávio Dino, participa da Convenção Partidária em Timon, onde o PCdoB apoia a reeleição do atual prefeito da cidade, Luciano Leitoa (PSB), e a candidatura do vice-prefeito, João Rodolfo (PCdoB).

No sábado (30), o governador vai a Barreirinhas para a convenção que oficializará o nome do ex-juiz do Trabalho e advogado, Amílcar Rocha (PCdoB), como candidato a prefeito. Já no domingo (31), Dino prestigiará convenção do partido em Raposa, região metropolitana de São Luís, onde participa da homologação da candidatura de Talita Laci (PCdoB) para assumir a prefeitura do município.


PCdoB, PSDB e mais três partidos fazem convenção no domingo (31)

ConviteO Partido Comunista do Brasil (PCdoB), PSDB, PTC, PPS e PHS fazem convenção no próximo domingo (31), às 9h, na escola Manuel Beckman, no município de Bequimão.

Durante ato político, os partidos devem formalizar a candidatura de César Cantanhede (PSDB) a prefeito. Há expectativa de que também seja  anunciado o candidato a vice-prefeito.

Por enquanto, apenas o PCdoB apresentou o vereador Elanderson como pré-candidato a vice. Outros partidos do grupo de oposição também pleiteiam a vaga, que deve ser definida por consenso.

Na oportunidade, as legendas de oposição devem fechar as listas de candidatos a vereadores, além das coligações proporcionais, que deverão disputar as eleições de 2 de outubro.


PCdoB aprova indicativo de apoio a César Cantanhede para prefeito

Do Jornal Itapetininga

fd-elanderson-cesar25PSDB e PCdoB devem repetir em Bequimão a aliança que governa o Maranhão. Os partidos bateram o martelo e marcharão unidos na disputa pela prefeitura de Bequimão, nas eleições de outubro.

Por ampla maioria de seus filiados, o PCdoB apresentou indicativo de apoio ao pré-candidato César Cantanhede (PSDB) a prefeito. Aprovou também a indicação do vereador Elanderson Pereira (PCdoB) para compor a chapa como candidato a vice-prefeito.

O partido decidiu apoiar César depois de avaliar as recentes pesquisas internas que apontam o tucano na liderança entre os pré-candidatos da oposição. Ainda, segundo os comunistas, ele apresenta a menor rejeição entre os pré-candidatos em todos os levantamentos. “A população tem dado seguidas manifestações de que quer renovação na política de Bequimão e, hoje, César representa este sentimento”, disse Elanderson.

Também pesou na decisão do PCdoB a proposta de fortalecimento dos programas e ações desenvolvidos pelo governo no município. “Estamos vivendo um processo importante de promoção de igualdade e oportunidade no Maranhão e nosso município precisa ter um prefeito preparado e aliado do governador Flávio Dino, para que Bequimão se desenvolva com inclusão daqueles que mais precisam”, afirmou.


PCdoB realiza Diálogos por Bequimão em Pontal neste sábado

O PCdoB do município de Bequimão realiza, neste sábado (9), mais uma edição do “Diálogos por Bequimão”, no povoado Pontal.

A atividade terá a participação do pré-candidato a prefeito Elanderson (PCdoB) e começará às 14h30. Também participarão do “Diálogos por Bequimão” pré-candidatos a vereadores e lideranças comunitárias locais.

A partir dos Diálogos, o PCdoB está elaborando junto com a população propostas a serem incluídas em plano de governo para o município a ser apresentado na campanha eleitoral deste ano.


Entrevista: pré-candidato a prefeito de Bequimão, Elanderson Pereira defende uma gestão verdadeiramente em favor do povo

Blog JEISAEL MARX 

IMG_2420

No último sábado (14), durante o evento que reuniu pré-candidatos do PC do B que pretendem disputar as eleições deste ano, o blog entrevistou pré-candidato a prefeito de Bequimão, Elanderson Pereira, que aparece na foto acima ao lado do governador Flávio Dino e do presidente estadual do partido, Márcio Jerry, Secretário de Comunicação e Assuntos Políticos.

Bequimãoense do povoado de Jacioca, Elanderson Pereira é formado em Administração pela Universidade Estadual do Maranhão (Uema), servidor concursado do Tribunal de Justiça, vereador e presidente do PCdoB de Bequimão, município da baixada maranhense. Nesta entrevista, ele fala sobre sua pré-candidatura, sobre os problemas enfrentados pela população de sua cidade e sobre a importância da eleição de prefeitos identificados com os ideais de justiça e igualdade pregados é praticados pelo governador Flávio Dino. Confira:

Como você avalia o encontro de pré-candidatos a prefeito e presidentes do partido (PCdoB)?

Avalio de forma muito positiva a iniciativa da direção estadual do partido. Foi um momento de avaliação da conjuntura nacional, estadual e municipal, e, também, um momento de orientação sobre as estratégias a serem adotadas para o fortalecimento das pré-candidaturas do partido já lançadas nos municípios. Também fundamental para que nós pudéssemos ampliar o conhecimento sobre as alterações realizadas na legislação eleitoral e os seus reflexos nas eleições deste ano.

Por que o PCdoB de Bequimão lançou sua candidatura a prefeito?

Há um sentimento de cansaço da população com a velha política em nosso município. O povo não aceita mais que as mesmas famílias administrem para poucos e a população sofra com a ausência de serviços públicos essenciais. Além disso, a discussão política eleitoral tem priorizado apenas nomes para disputar a eleição deste ano, deixando de lado o que para nós é essencial e prioritário, ou seja, a construção de um plano de gestão para nosso município construído com a população, e que possa efetivamente ser posto em prática. Nosso partido defende a unidade das oposições ao atual prefeito. Mas essa unidade deve acontecer em torno de propostas viáveis e verdadeiras para melhorar a vida de todos os bequimãoenses.

A gestão do atual prefeito de Bequimão não é boa? Que avaliação você faz?

O atual prefeito faz uma administração muito ruim. Primeiro porque nega direitos image-1-300x180elementares à nossa população. Segundo porque não respeita os princípios constitucionais de legalidade, impessoalidade, publicidade e eficiência que norteiam a gestão pública. Falta transparência e nas suas prestações de contas existem vários indícios de irregularidades. Para se ter uma idéia em todas as prestações de contas encaminhadas ao TCE, durante o seu mandato à frente da Prefeitura de Bequimão, o prefeito Zé Martins (PMDB) informa que encaminhou cópia para a Câmara de Vereadores, mas a realidade é que nunca chegou naquela Casa Legislativa qualquer informação acerca dos gastos realizados por ele com dinheiro do povo.

E assim como outras situações lastimáveis tem ocorrido em nossa cidade, como o fechamento de escolas e a existência de escolas de taipa no município, em pleno século 21; falta de remédios na farmácia básica, falta de merenda escolar e, quando tem, é de péssima qualidade; reformas de escolas com valores superiores aos serviços realizados, funcionamento irregular das equipes do PSF (programa saúde da família), folha de pagamentos com centenas de contratados, casos de nepotismo, convênios federais e estaduais com suspeitas de irregularidades na execução. Enfim, são várias situações que não permitem eu avaliar a atual gestão de outra forma e com outros adjetivos: é uma gestão desastrosa, irresponsável e desumana.

Quanto à Câmara de Vereadores, o que você pensa?

Percebo a Câmara de vereadores desenvolvendo um trabalho ainda muito aquém do seu papel e do trabalho que poderia realizar. O Legislativo de Bequimão ainda tem muito o que evoluir. Existe uma idéia impregnada de que o vereador da base do prefeito lhe deve fidelidade em todas as situações, defendendo inclusive quando o gestor realiza ações que prejudicam o povo, contrariando assim os interesses de quem os elegeu. O que prevalece, em muitos casos, é a vontade do prefeito. Dos onze vereadores que compõem o Legislativo bequimãoense, a maioria é da base de apoio ao atual prefeito.

Em relação ao governo Flávio Dino, como tem sido para a cidade de Bequimão?

Há várias ações que foram ou estão sendo realizadas pelo governo Flávio Dino em Bequimão. Apoio ao pequeno produtor com distribuição pela AGERP de sementes de arroz, milho e, em breve, serão distribuídas também sementes de feijão; inclusão de centenas de famílias bequimãoenses no programa Bolsa Escola; liberação de convênios para asfaltar e realizar calçamentos de vias urbanas; repasse de dinheiro para a área da saúde e hospital de Bequimão, construção do Hospital Jackson Lago em Pinheiro, que beneficia também os pacientes de Bequimão; apoio do governo, por meio da Sedel, ao campeonato de futebol amador realizado pela Liga Bequimãoense de Esportes e realização da Caravana Mais Esportes e Lazer; Carreta da Mulher, ônibus Lílás, apoio à cultura, construção da Ponte do Balandro e do Cras; e finalmente a aguardada Construção da Ponte que ligará os municípios de Bequimão e Central.

Diante das ações do governo no município, a eleição de um prefeito aliado, ou seja, do mesmo partido do governador seria melhor para Bequimão?

É fundamental para o desenvolvimento do nosso município a eleição de um gestor aliado do governador Flávio Dino e, mais que isso, que pense a gestão pública como o governador pensa. Ou seja, uma gestão sem privilégios, que priorize os que mais precisam, que seja transparente, que maximize os recursos públicos, oferecendo mais serviços com menos gastos, que consulte a população para saber quais são suas prioridades comuns e a partir daí desenvolver seus programas e ações de governo.

Os bequimãoenses não podem perder essa oportunidade de fortalecer e aprofundar ainda mais esse processo de mudança que está em curso em todo o nosso Estado promovendo justiça e igualdade de oportunidades para todos. E isso só será possível se elegermos gestores com esse perfil.