Robson Paz assume presidência e Maranhão começa a pré-temporada 2019

robsoneleitoEm eleição realizada na noite de quinta-feira, 3, na sede social do clube, o jornalista Robson Paz foi eleito por aclamação presidente do Maranhão Atlético Clube, para o biênio 2019/2020.

Robson Paz terá como vice-presidente, Roberto Brandão, e Robson Vasconcelos (diretor financeiro).

“É um momento de muita felicidade pelo amor que tenho pelo Maranhão, um sonho desde a infância, de poder contribuir com o Maranhão e de estar ao lado de pessoas que buscam o melhor para nosso clube, a exemplo desta diretoria que foi formada de forma consensual. Todos os maqueanos deram as mãos, para que nós possamos fazer um excelente trabalho”, disse o presidente Robson Paz.

PRÉ-TEMPORADA

elenco-macA temporada 2019 do Maranhão Atlético Clube, começou de forma oficial nesta sexta-feira, 4. Pela manhã na sede social do Clube no bairro do Cohaserma, foram apresentados os jogadores e a comissão técnica da equipe atleticana, para as disputas do Campeonato Maranhense.

A apresentação foi comandada pelo presidente do clube Robson Paz, juntamente com o vice Roberto Brandão e o diretor de futebol Evandro Marques e contou com a presença de jornalistas e torcedores.

Neste primeiro momento foram apresentados 27 jogadores. Nos próximos dias, a diretoria do clube, deverá anunciar a chegada de mais alguns reforços.

“Vamos fazer o Maranhão cada vez mais forte, por isso buscamos trazer jogadores de muita qualidade e experiência, mantendo uma base que jogou a Copa FMF. Trouxemos uma comissão técnica nova, que contribuiu muito na montagem do elenco. Tenho certeza que nós teremos um grupo competitivo e vamos brigar pelo título do Campeonato Maranhense”, afirmou Robson Paz.

Elenco Temporada 2019

Goleiro: Dida.

Zagueiros: Maicon, Railson Penalva, Bruno Bacabal, Patrick , Anderson Alagoano e Lucas.

Laterais: Matheus Rubens(D), Denilson (D), André Radija(E) e Jeferson Abreu (E)

Volantes: Abu, Wiliam Daltro,Rafael Santose Rodrigo.

Meias: Wanderson, Lesson, Deylon, Carlinhos Farias e Felipe Costa.

Atacantes: Cleber Pereira, Cris, Pedro Victor, Mauricio,Marciano, Russo e Ricardo Maranhão.

Comissão Técnica

Treinador: Marcinho Guerreiro

Auxiliar técnico: Zé Augusto

Preparador Físico: Gabriel Junior

Preparador de Goleiros: Esquerdinha

Fisioterapeuta: Rodrigo Loureiro

Massagista: Heraldo Lucio

Roupeiro: Dominguinhos


França é eleita presidente da Câmara com voto de vereador eleito pela oposição

Vetinho, Robson Cheira, Valmir, Jorge Filho, Amarildo, França e Doutor

Vetinho, Robson Cheira, Valmir, Jorge Filho, Amarildo, França e Doutor

A vereadora França (PV) é a nova presidente da Câmara de Vereadores do município de Bequimão. Candidata apoiada pelo prefeito Zé Martins (PMDB), ela obteve sete votos – seis dos vereadores da base do peemedebista, além do vereador Doutor (PDT) – contra quatro da candidata oposicionista, vereadora Raquel Paixão (PTC).

A Mesa Diretora da Câmara para o biênio 2013/2014 terá ainda o vereador Jorge Filho (PP) como vice-presidente; Valmir (PP) será o 1º secretário; e Doutor (PDT) ocupará a 2ª secretaria.

A eleição de França foi articulada pessoalmente pelo prefeito Zé Martins, que ignorou o interesse do ex-presidente Jorge Filho de garantir a reeleição.

A manobra da dupla Zé e Juca Martins para retirar Jorge Filho da Presidência da Câmara foi semelhante à manobra que retirou do páreo os pré-canditatos Vadoca (PSL), Bastico (PTB) e Totó Martins (PHS), que sonhavam em ser candidato a vice-prefeito do peemedebista.

Com isso, a família Acará ganha ainda mais espaço no grupo dos Martins. Além de Pedro Acará ser o vice-prefeito, a sua mulher França passa a presidir a Câmara.

A decisão da dupla Zé e Juca Martins deixou descontente parte dos vereadores do grupo, embora não expressem isso publicamente.

OPOSIÇÃO

Raquel, Elanderson, Sinhô e Sassá

Raquel, Elanderson, Sinhô e Sassá

Sem maioria para eleger o presidente da Câmara, a oposição lançou a jovem vereadora Raquel Paixão como candidata.

Esperava reunir o voto dos cinco vereadores eleitos pelo grupo do ex-prefeito Antônio Diniz (PDT). E foi do PDT que veio a surpresa. O vereador Doutor votou na candidata dos Martins e será 2° secretário da Mesa Diretora.

LEGALIDADE

O vereador Sinhô (PSB) questionou a legalidade da eleição devido à Mesa Diretora da legislatura passada ter aprovado mudança no Regimento Interno da Casa – emenda estabelecendo o voto aberto – sem contar com o número regimental exigido para a aprovação da matéria.

O vereador acionou a Justiça contestando o ato da mesa diretora e aguarda o julgamento da ação, que poderá provocar a nulidade da eleição da Mesa Diretora da Casa.

Votos de França: França, Robson Cheira (PTN), Jorge Filho, Valmir, Amarildo (PHS), Vetinho (PMDB) e Doutor.

Votos de Raquel: Raquel, Sinhô, Elanderson (PPS) e Sassá (PDT).